3 de maio de 2007

O Desafio

"2 anos é tempo, por vezes um instante, outras, uma eternidade, mas sempre um prazer, ler-te."

28.03.2007, Uma vida qualquer


Eu não me esqueci que passaram dois anos, nem tão pouco me passou despercebido este comentário. Acima de tudo pela sua espontaneidade e pelo carinho que o gesto e as palavras encerram.


Desde há uns tempos a esta parte, tem-me passado pela cabeça a ideia de assinalar o tempo de vida deste espaço, celebrando-o com aqueles que têm sido os cúmplices desta vivência. Ainda hoje não sei bem como caracterizar este blog, e ultimamente, pelas razões que já me cansei de enumerar, o seu conteúdo tem sido bem mais pobre que o meu desejo.


Ainda assim tem sido um dos meus contactos mais privilegiados com o mundo, e à sua volta têm gravitado várias pessoas. Umas que conheço muito bem, outras que vou conhecendo melhor, umas que se confirmaram, outras que se revelaram, umas que têm o seu blog, outras que fazem deste o seu, umas que aqui deixam regularmente os seus comentários, outras que não o fazendo me vão transmitindo pessoalmente as suas reacções.


E é isso que me apetece celebrar. Este ponto de encontro, esta partilha, este crescimento mútuo, esta convivência. Pensei num jantar, seria engraçado mas pouco original. E porque não…um disco?! Sim, para assinalar o terceiro aniversário do Tubo d`escape, lanço-vos o desafio de todos, em conjunto, fazermos um disco. Cada um pode participar do modo como bem entender, uma letra, um poema, uma melodia, uma fotografia, um desenho, uma voz, um instrumento, uma ideia…

Da minha parte comprometo-me a coordenar o projecto e a participar nas áreas em que me sinto mais confortável, cantar, tocar guitarra, fazer arranjos e compor músicas. Fico à espera que me enviem para o meu endereço electrónico (rogériocharrazgmail.com) os vossos poemas, as vossas ideias, as vossas intenções, as vossas críticas, as vossas sugestões, qualquer participação será válida e construtiva.

Temos um ano para idealizar e concretizar este projecto, sem grandes pretensiosismos, sem qualquer tipo de ambição que não seja fazer canções, gravá-las e ilustrá-las da melhor forma possível, espevitando a nossa criatividade e alimentando a sã convivência que tem mantido este espaço vivo.

Fico à espera das vossas reacções.

Obrigado a todos por dois anos de companhia!

12 comentários:

A Burra Nas Couves disse...

Eu posso colaborar fazendo o furo do centro do disco?

zmsantos disse...

Sim senhor! (como diria alguém) gosto da ideia!

Estamos nessa! Vamos trocar conceitos, ideias, pontos de vista.
Afinal, por certo será o que de melhor terá esta iniciativa, não desprezando o objectivo que é comemorar o aniversário do Tubo (embora o faça diariamente)
Pareçe que já temos quem se encarregue de 'furar' o disco.
Dona Burra parece-me que terá outras qualidades além dessa que poderá partihar :)

Abraços.

Uma vida qualquer disse...

Tienes un peligro, criatura!

Besos

Anónimo disse...

Parabéns,e muitos anos de vida.
Acho óptimo a ideia,e se a inspiração,não me iluminar,e se o meu parceiro de cantigas,concordar,já temos um trabalho para partilhar.
Um abraço.
A.Cachaço
P S Obrigado pela companhia

Micas disse...

A ideia é muito gira e original. Força com este projecto.

Princesa disse...

Ideia bem engraçada! Pode ser que algo me ocorra para colaborar.
Abraço!

Mukanda disse...

Acho um óptimo desafio Charrazito...e pode ser um projecto bastante aliciante...
Quem sabe, seu eu não entrarei também....
Costumo dizer que cada macaco no seu galho!
Cada um é para o que nasce! (Nicas no seu melhor!!!)
Eu não tenho jeito nenhum, para estas coisas, mas juro que me vou esforçar!
Gostava!
Beijo grande
Mukanda

Anónimo disse...

Sabes que poderás sempre contar com a "nossa" humilde cooperação.
Um abraço,
Zé Lopes

SalgasVelho disse...

«A Burra Nas Couves said...
Eu posso colaborar fazendo o furo do centro do disco?»

A Burra a confessar-se?

Posso participar como CORRECTOR oficial?

Abracinhos, também pró Balão, claro!

A Burra Nas Couves disse...

Ó Eduardo, francamente! Se com essa idade (canónica quase) não te consguiste corrigir a ti próprio, andas a enganar a miudagem pra quê? Rogério, também me lembrei que me poderei ocupar dos aperitivos da "vernissage" de apresentação do dito cujo. Ou das saladas, quem sabe? A cerveja podes deixar com o Salgueiro, o vinho é melhor encarregares outra pessoa! Ah, é verdade, estava-se a falar de música, desculpem lá!

SalgasVelho disse...

Querido neto: Já a Avó de alguém dizia "Se não se tem nada de jeito pra dizer, o melhor é estar calado"!

Beijos do Vôvô.

A Burra Nas Couves disse...

Sim, avô (orelhas murchas subservientes)