9 de abril de 2009

Justificativo

O meu justificativo é este:

Compor. Criar do nada melodias e harmonias. "Cozinhar" utilizando os ingredientes que a música de outros, os génios, me deixou no subconsciente. Vestir com sonoridades as palavras, escutá-las, entendê-las, tentar fazer-lhes justiça. Encontrar as palavras que dêem corpo e personalidade à musica. Tentar estar ao nível dos que me acompanham e das expectativas dos que me seguem.

Tocar. Transpor para os intrumentos emoções. Transmitir aos outros aquilo que o poema e a canção me dizem ao ouvido. Conseguir ser a parte de um todo. Sentir-me um privilegiado. Ser ouvido e escutar. Interagir.

Gravar. Desafiar limites. Conquistar a eternidade. Jogar com os sons. Procurar o tempo, a respiração, a personalidade, a cor de uma musica e a identidade de um disco. Escrever a nossa história. Testar a paciência.

E nada disto pode ser atestado por um médico, por uma secretaria ou por uma lei.

8 comentários:

Maria disse...

Apenas os ENORMES conquistam a eternidade. Já não estarei cá para saber que o conseguiste. Com MUITO trabalho, com TODA a dedicação e com TODA a alegria...

Até já

A CONCORRÊNCIA disse...

E porquê um justificativo ? com toda essa coragem, força e dedicação para que precisas tu de um justificativo ?

E um atestado ? para que precisas de um atestado ? o atestado somos todos nós, os que como eu têm um orgulho imenso em te terem como amigo, os que reconhecem o teu valor como músico e como ser humano.

Beijo grande e olha ... bola para a frente que atrás vem gente ;)

mariam disse...

Rogério,

venho apenas dar-lhe e ao grupo, os PARABÉNS!
p'la noite de ontem, encontrei nela todos os adjectivos que escreveu neste post!
São um grupo fantástico. votos de sucesso é o que vos desejo.

senti-me muito bem, junto do grupo de quem também é amigo e ouvindo-vos.

BOA PÁSCOA a todos!
um abraço e o meu sorriso :)
mariam

Pedro Branco disse...

Apoiado!

Leticia Gabian disse...

Não tens que justificar nada, miúdo!
Tens mais, e só, é que SER quem tu és...E és MUITO!!!!

Já agora, uma preocupação de mãe: tás melhor da garganta?

Beijos e te cuida

Anónimo disse...

Saudades...
...do sapito!
Aquele abraço.
Mereçes mais,muito mais...

Carol disse...

Charraz, meu querido

Todas as justificaçoes que possas querer dar ficam sempre aquém ...fizeste o que o teu coraçao "gritava" que fizesses ... que é conquistar o teu lugar definitivamente no mundo da música ... dar a conhecer ao resto do mundo o que nós tao bem já sabemos e conhecemos ...

Segue sempre em frente ... temos todos a certeza, a CONFIANÇA que chegas lá !!!

Beijocas grandes, grandes

PS: Preocupaçao de amiga - espero sinceramente que estekas melhor da tua garganta ... :)

zmsantos disse...

Talvez a amizade se possa aproximar àquilo que te move. Como força aglutinadora de vontades. Libertadora do melhor que em nós existe.
Abraço.

PS: Abraço, grande, ao Sapito. Tenho saudades desse miúdo...