30 de agosto de 2007

Lisa Doby

Uma das razões porque gosto de tocar na Taverna dos Trovadores é a frequência com que acontecem momentos únicos, daqueles que enriquecem o livro de memórias.

No sábado passado, enquanto passava por uma das mesas, fui abordado por um indivíduo que me perguntou, in english, se eu não sabia nenhuma música anglo-saxónica. Perante a minha hesitação, a rapariga que o acompanhava sugeriu o "Killing me softly", dos Fugees. Argumentei que não sabia a letra de cor, ao que ela respondeu que sabia e aceitou o repto de vir cantar. Um dos outros elementos da mesa, português, informou-me que tinha estado na SIC nessa semana.

Pois a menina chama-se Lisa Doby, tem uma voz límpida e cristalina como água, e encantou a sala que se prostrou em silêncio. Fiz o melhor que pude para acompanhar o primeiro tema, e depois confiei-lhe a guitarra para deliciar-me a ouvir um tema seu, do novo disco que está a promover. Pude então constatar que além da maravilhosa voz e da simpatia, escreve e compõe bem!

Se quiserem saber mais aqui fica o endereço da sua página de internet. E pelo que me disse, vai voltar nos próximos meses para promoção do disco. Ficarei atento!

3 comentários:

zmsantos disse...

Só quel lá esteve é que sabe como foi bom...

A Burra Nas Couves disse...

Apesar do "Killing Me Softly" não ser dos Fugees, mas sim da Roberta Flack. Quando quiseres mando-te a cifra, para estares preparado para a próxima.

Abracinhos

SalgasVelho disse...

E eu que pensei ter ela pedido, especificamente, a versão dos Fugees!
Sempre a aprender, Amigos.

Mais abracinhos.